sexta-feira, 17 de março de 2017

INFORMAÇÕES DA CÂMARA DE VEREADORES...

Mesa gestora
Vice Presidente - Vereador Jonas - Presidente Vereador Anderson Guimarães, 1º Secretário Vereador Sérgio Ribeiro e 2º Secretário Vereador Marcelo Duarte
Vereador Robson Alves - Líder do Governo
Hoje, 17 de março de 2017, foi realizado mais uma Sessão Ordinária na Câmara Municipal de Rurópolis. O presidente Anderson Guimarães, após verificar que todos os vereadores estavam presentes, fez à abertura da sessão, lendo um documento onde o Prefeito Joselino Taká Padilha, nomeia o Vereador Robson Alves, para exercer a função de líder do governo e o Vereador Elias Zanetti, como vice, junto aquela casa de Leis. Posteriormente a apresentação, o Presidente cede a palavra ao líder governamental. O vereador Robson, usou da palavra, agradecendo o prefeito pela confiança nele depositada, e elogiou os trabalhos que vem sendo realizados pelo gestor, como também fez um resumo dos trabalhos e requerimentos expedidos por ele.
Vereador Nonatinho

Posteriormente usou da palavra o vereador Nonatinho, quando falou que apesar de ter feito um requerimento a casa, o mesmo não foi atendido; hoje, ele iria de público. Esperando que dessa vez fosse atendida sua reivindicações e leu o texto do requerimento em alto e bom som. Falou ainda que está do lado dos serviços (professores) e que fará tudo o que for possível para ajuda-los em suas reivindicações. A palavra foi franqueada ao Vereador Marcos Furtado, que começou a falar sobre o documento que foi aprovado e que esta gerando tanta polêmica. Pediu desculpas aos professores e disse que se afastaria da base governista, e para confirmar suas palavras, protocolou sua Carta de Afastamento, onde comunica sua decisão e a razão pela qual tomou a referida atitude. 
Muita gente compareceu à sessão
Em seguida falou o vereador Maciel Albuquerque, se dizendo indignado com o ocorrido e que o que estava acontecendo é uma falta de caráter, já que foi solicitado o protocolamento do documento e não foi atendido. Que o povo poderá sempre contar com ele, pois estará sempre ao lado da população. Vereador Edegar da Rocha, o único que não votou a favor no documento, diz-se indignado, e que irá lutar para conseguir a revogação da Lei 364/2017. Em seguida o Presidente da casa, colocou em votação os requerimentos emitidos pelos vereadores, franqueando a palavra para que os mesmo justificassem os seus pedidos. Documentos lidos e justificados foram todos aprovados. Após aprovação dos requerimentos, o Presidente novamente colocou a tribuna à disposição dos vereadores, que foi usada por todos, cada um, falando de seus trabalhos e de suas obrigações como legislador. Após os discursos, nada tendo a acrescentar foi dada por encerrada a sessão deste dia 17. Hoje a Câmara estava cheia, muitos professores se achavam presentes, protestando sobre a aprovação da Lei nº 364/2017, que tira vários direitos adquiridos pelos mesmos. Após as burocracias de praxe, estaremos informando os requerimentos aprovados nesta sessão. Logo estaremos fazendo nova matéria, onde será informada qual a real situação, porque da insatisfação dos servidores, e as providencias que estão sendo tomadas.
VEJA MAIS FOTOS CLICANDO ABAIXO.

















































Nenhum comentário:

Postar um comentário